domingo, 13 de junho de 2010

P.31 - Mensagem do David Guimarães

E ONTEM, DIA 12 MAIS UMA PASSEATA ATÉ À TABANCA DOS MELROS... MAIS UM RONCO
É sempre com um prazer extraordinário que sempre ando nestes "atambacamentos" de amigos que um dia com outras idades andaram numa guerra. Ontem foi mais um dia desses, uma festa como sempre o é - e lá estavam os que foram...
Um dos amigos dizia-me - tu não és assim, costumas ser mais alegre! Eu disse que eu era assim mesmo e que nem sempre me estava a rir mas estava muito bem - eu efectivamente estava - no entanto na altura estava a pensar uma coisa que a mim me confunde... Eu de Espinho estava ali, já me tinha lamentado ao chefe da casa da razão de não ter estado na última reunião bem como ao Chefe de Tabanca que onde está é uma festa sempre - pelo empenho, pela força e aposta que faz em que os da sua terra se reúnam mais e mais "UMA VEZ POR MÊS". Só que ontem estavam não muitos menos amigos que da última ou penúltima vez... Teria sido coincidência? Esperemos que sim, eu espero que sim... É um espaço agradável, com estacionamento onde não há multas e o preço é sempre a mesma agradável surpresa - 15 Euros uma vez por mês, mesmo com a carestia de vida creio que com menos 15 Euros mensais a nossa economia caseira não se notará muito em desfalque... modesta opinião minha...
Não querendo fazer comentários em comparações - disse e bem, que quando alguém falta na tabanca semanal de Matosinhos nota-se só porque é um amigo que falta mas em quantidade não - pois que quando falta um mais dois ou mais aparecem. Sei contudo também que se forem os atabancados militantes de Matosinhos aos Melros também - então o Gil teria que colocar a sala grande a funcionar porque uns e outros fariam muitos... Assim notei ontem que éramos de menos...

Eu não faço apelos - mas que bem gostaria que aquilo estivesse cheio de gente - o que fará com que as pessoas não se unam para confraternizar? Ontem estão os camaradas Gondomarenses especialmente?
Venham ver o museu que se está a criar e já tem espaço próprio gentilmente cedido pelo Gil, dono da tabanca e que o Carlos Silva Chefe tanto esmero e empenho tem em que ele exista - e cada vez com mais roncos...
Agora só falta a cabeça e a boina - a farda já lá consta...
Ontem como que ficou apalavrado que na próxima reunião - 10 de Julho, existam momentos de fado - em que nós os ex-combatentes temos o grato prazer de participar - vamos colocar momentos "baladeiros" dentro das tabancas com a indolência do fado na circunstância - o que não quer com isto dizer que outros momentos culturais não possam aparecer, mas claro - eu sou suspeito - aprendi que uma viola tem seis cordas e serve para tocar; as armas ficaram lá - quando passei à disponibilidade e então essas davam outra música - música essa que nos fez agora estarmos juntos e pensarmos de maneira diversa...
VAMOS À TABANCA DOS MELROS NO DIA 10? combinado...
Um abraço David Guimarães

1 comentário:

  1. Realmente o Guimarães tem razão, deveria comparecer muito mais gente, as pessoas que se esforçam por manter esta tabanca merecem muito mais, mas há razões que a própria razão desconhece.
    Eu realmente também me pareceu que o Guimarães estava um pouco triste, noutras alturas já o vi muito mais alegre.
    Um Abraço para ele e para todos os atabancados.
    Dia 10 lá estarei, se Deus quiser, a ouvi-lo tocar

    Quelhas, Mansabá

    ResponderEliminar