segunda-feira, 27 de setembro de 2010

43 - O David Guimarães escreve

TENHO A IMPRESSÃO
Ontem foi dia grande para os lados de Matosinhos e para o lado de Jovim...
Gostei de estar onde estive e gostei de fazer o que fiz - mas fiquei triste por não ter ficado nos dois lados ao mesmo tempo... Dá a sensação nítida que andamos aqui de costas voltadas, o que me parece que não - mas que há coisas que se podem evitar sim - acho que sim, como há elegâncias que se devem ter sim - também acho...
Um dia destes dizia eu a Carlos Silva - querido companheiro "Chefe de Tabanca" - eu sou de todos os lados nestas andanças de guerra - estou em Matosinhos, estou em Monte Real, em Coimbra, em Aveiro, na Nazaré e por aí fora... quer dizer sou camarada de todos os camaradas da Guiné especialmente porque foi lá o meu destino militar... Moro em Espinho por acaso já vivi noutros sítiios e a minha terra Natal afinal é a Madalena em Vila Nova de Gaia - só isso.
O que se podia evitar era isto: organizarem-se eventos na mesma data - se eu soubesse e tivesse dito em Gondomar que lá iria - claro que iria e diria a outros quando me falaram e resolveram 25 de Setembro para o sarau de angariação de fundos - que me marcassem outra data, porque tinha um compromisso... Aqui fiquei comprometido com o grupo de fados onde toco e que agendamos para ali a nossa tocata... Como membro do grupo o Martins fez o favor de á última trocar um convívio pelo outro - não que ele quisesse mas porque havia um compromisso que ele honrou...
Também dou nota do seguinte... Organizado em Gondomar ou em lagoa - os amigos comunicam-se com antecedência publicam-se nos mail's e convidam-se os amigos - pois não podemos andar de costas voltadas repito senão seria uma chatice e não valia a pena andarmos aqui a celebrar nada - senão a amizade...
Sei que tem sido posto em causa as angariações para sementes ou poços etc etc... A posição mais correta é quem não concorda não dá quem concorda dá... E A VIDA SEGUE...
Também se começa a colocar em expoente isto - a Tabanca tal tema mania disto e a tal daquilo.... Ninguém tem manias, pode haver pontos de vista que com as nossas idades fáceis são de debater...
Começamos a interrogar-nos do seguinte - porque se faz isto e aquilo e as pessoas faltam? O dinheirito está caro isso é verdade.... mas comer a 15 Euros é complicado para quem vende...
UMA NOTA 10 - Creio que ontem apesar de tudo aprendeu-se uma lição - afinal nós os cambatentes não somos só aqueles comilões de quartas feiras., sabemos também tocar, cantar, fazer versos e declamar - quer dizer fazer um espectáculo... somos ex-combatentes mas também somos artistas, somos escritores somos poetas e somos benfeitores...
Vamos lá a entendermo-nos e perceberem se é ou não relevante... vamos falar mais uns com os outros dar noticias do que fazemos para jamais suceder dois eventos quase no mesmo sitio e á mesma hora - porque num e noutro lado fizeram falta aqueles que num e noutro lado estavam...
Se me entenderem chamar um nome feio - falem baixinho que não mereço - Sou David, Tabanqueiro, Melro também baladeiro mas sobretudo sou vosso amigo - e aqui também como amigo quero a minha nota 10 porque sei que todos o são de mim também - só por isso ainda é bom viver...
QUERO DEIXAR DE FICAR COM ESTA IMPRESSÃO - vamos a isto....
Um abraço e que pena afinal tive não ter estado em Jovim - mas ninguém pode estar em dois lados ao mesmo tempo....
Um abraço, David Guimarães

5 comentários:

  1. Caro David. O convite e organização foi da Junta de Jovim e nada teve a ver com os Melros pròpriamente dito.O convite foi feito em Julho - estavas presente - pelo Agostinho. Tanto quanto eu sei, o convite foi posteriormente enviado em pps para o pessoal.

    ResponderEliminar
  2. ANDEI DISTRAÍDO PELOS VISTOS - E MAIS TE DIGO UMA PALAVRINHA AOS GRUPOS QUE POSSAM ANIMAR NÃO FICARIA MAL E NESSE SENTIDO LAMENTEI MAIS AINDA SE NÃO FOSSE AS TABANCAS E OS COMBATENTES - AFINAL NADA SE FARIA SÓ ISSO - DE RESTO TUDO BEM...
    PORQUE EU GOSTO E SOU COMPANHEIRO DE TUDO E TODOS... Acho que poderia ser diferente só isso - sei que para o Ano o J. Martins por exemplo já convidou - ao menos isso - é só acertar datas - mais eu fiz um propósito de união e não teci nenhuma crítica - ninguém é melhor que ninguém eu acho. O meu gripo foi apelativo a uniões e camaradagens - porque nós fomos abordados para tocar lá e já não era possível - pela má comunicação. Não há culpados há que emendar algo creio eu - e quando e estiver mal vou embora...
    Um abraço e mais que a junta interessa os camaradas que somos mais nada.... O PRESIDENTE DA JUNTA DAS MEDAS DISSE EM FINAL QUE ISSO JÁ ESTAVA COMBINADO DO TEMPO EM QUE FOI LÁ NAS MEDAS... eu lamentei pessoalmente porque sempre estou pronto a estar com os amigos como amigo claro e não em serviço só porque sou baladeiro... JORGE ESSA A REALIDADE - e mais vi todos os companheiros incluindo o presidente da junta - eu quero lá saber de terras ou paróquias - somos combatentes e só. alertei não tenho o propósito nem direito de chamara atenção... mas penso que fiz falta lá como todos fizeram falta onde eu estive - tu por exemplo a quem tanto considero...
    abraço

    ResponderEliminar
  3. David

    Eu bem vi o teu constrangimento,pois eu estava ao teu lado em Matosinhos,quando na hora te inscreveram para o sarau.E tu um puro não disseste não.Não conseguias.Tens a minha nota 10+.

    Gil

    ResponderEliminar
  4. Meu Caro Amigo e Camarada David

    Já falámos sobre este tema em “chat” antes da realização dos eventos.
    De facto houve “ronco” nos 2 eventos conforme presenciei em Gondomar e do Sarau de Matosinhos através de fotos que me foram enviadas.
    Não tens que estar triste por não poderes conciliar a tua presença nos 2 lados.
    Também não estamos de costas voltadas, nem as Tabancas em concorrência.
    Cada Tabanca prossegue os seus objectivos e não pode estar subordinada a outras para realizar os seus eventos e para que estes não coincidam com outros.
    O nosso já estava estabelecido desde ano passado nas Medas e foi muito baladado ao longo dos convívios anteriores e bastante divulgado.
    A prova disso, é que o Carvalho das Medas que é como todos nós sabemos assíduo da Tabanca de Matosinhos e dirigente da Associação, não esteve presente no Sarau por ser gondomarense e por uma questão de solidariedade na homenagem para com os seus camaradas conterrâneos mortos e inscritos no Memorial em Fânzeres e não só, tal como aconteceu ano passado quando foi a freguesia dele a organizar o evento.
    É uma questão de solidariedade nacionalista/gondomarense, apesar de eu ser um cidadão Europeu e do Mundo.
    Já em Março passado, aconteceu o mesmo com a celebração do dia do combatente em Gondomar, pois coincidiu com o de Matosinhos e camaradas nossos dessas bandas, sugeriram a alteração de datas para não haver coincidência e assim poderem estar presentes.
    Mas nós não temos que alterar datas dos eventos e nem a Tabanca de Matosinhos ou os promotores dos eventos têm que alterar datas.
    Pois nós não estamos subordinados a eles e eles não estão subordinados a nós e não têm que estar, pois somos independentes e nem a Tabanca de Matosinhos nos deu qualquer justificação nem tinha que nos dar e nós não tínhamos/temos que pedir a eles para alterarem ou nós alterarmos, pois já tínhamos/temos marcado os nossos eventos previamente e fizemos a sua divulgação bastante extensiva.
    Portanto, cada um toma a opção que bem entender e a vida continua.
    Em minha opinião ninguém teve culpa de nada, se se passou algum episódio menos bom no meio de tudo isto [que presumo ter havido e basta ler os 3 comentários precedentes incluindo o do Gil ], mas recuso-me a comentar em público.
    Pois somos todos camaradas e não é aqui a sede de falarmos sobre eventuais polémicas.
    Lê o Poste relativo à “Breve História da Tabanca” que também ajuda a esclarecer algo sobre o que se passou.
    Meu bom amigo, aqui fica a nota 10
    Carlos Silva

    ResponderEliminar
  5. Meu Amigo David

    Ao rever os posts aqui lançados vi o post 39 que me dedicaste e revi o meu comentário onde falo na festa a realizar a 25/09/10 e onde te convido para cantares o toque do silêncio.
    Tudo isto, antes do dia 8-09-2010 dia do almoço em Matosinhos.
    Mas enfim... cada um é livre de fazer o que bem entende.
    De facto é como tu dizes no teu comentário... estavas distraído.
    Recebe um grande abraço amigo
    Carlos Silva

    ResponderEliminar