sexta-feira, 1 de outubro de 2010

45 - Artigos

Igreja Matriz de S Cosme e S Damião toda engalanada e iluminada

Uma das ruas engalanadas com motivos da ourivesaria de Gondomar, corações de filigrana

Elementos do Rancho Folclórico de Gondomar - é de salientar os cordões e as filigranas que a nossa conterrânea ostenta


Amigos & Camaradas

Meus caros conterrâneos, Amigos & Camaradas venho daqui lançar um apelo para que a rapaziada escreva para o nosso Blogue, quer contando as suas experiências de guerra, momentos bons e menos bons vividos nos 3 teatros de operações ou outros, pois o Blogue não é só para a Guiné, tal como está referido em título é para os ECU's - Ex-combatentes de Gondomar e eu acrescento e não só, porquanto, é uma realidade, outros camaradas não gondomarenses, também escrevem para o Blogue, quer contando histórias da nossa Terra.

Ninguém fala da grande Romaria da Nª Senhora do Rosário que presentemente estão a decorrer na freguesia de S Cosme e S Damião, padroeiros da Freguesia, que se prolonga até ao dia 10-10-2010.

A nossa Romaria é conhecida pela festa das nozes, regueifa, vinho doce e caldo de nabos, dos rojões e das papas de sarrabulho, bem como, noutras alturas do ano, aparecem o sável e a lampreia, iguarias da nossa Terra.

Vamos lá falar dos tempos em que a Festa apenas se concentrava no Largo do Souto, onde a malta andava nos carrinhos da pista dos automóveis, nos carroceis normal e no oito, nas cestas voadoras para dar pontapés no cu do parceiro da frente ou na namorada, no poço da morte, no girasol, nos matraquilhos, etc

Falar da ourivesaria e marcenaria de Gondomar, dos grandes artistas que tínhamos e temos
Falar da espera dos romeiros da Nª Senhora da Saúde, no araínho do rio Douro em Gramido.
Das vindimas e do fabuloso vinho verde do lavrador de Gondomar.
Não são só contribuidores do Blogue não o Jorge Teixeira [Portojo] e o Carlos Silva
Vamos lá deitar mãos à obra meus amigos
Valorizem a nossa Terra
Com um grande abraço amigo
Carlos Silva

2 comentários:

  1. Gostei, Carlos.
    Mas exageras camarada. Sável e Lampreia nem no tempo dele e dela. Do vinho doce, só do do Gil. O feito a martelo dá cá uma diarreia que nem te conto. e a 5€ o litro.
    Das nozes, lavadas, nem olhar para elas. Da regueifa, só da da Padaria da Portelinha.
    Hoje em dia (quer dizer, a coisa já vem muito de trás) a confiança nas feiras é de 00000.
    Nem à procissão posso ir - a saúde primeiro -mas queria ver a promessa do São Valentim.
    Fica para o ano.
    Um abraço a todos os Gondomarenses de Gema.
    De um Tripeiro emprestado a Rio Tinto a Concelho.

    ResponderEliminar
  2. Fica só o reparo de que não é Rancho, mas sim Grupo Folclórico de São Cosme Gondomar .

    ResponderEliminar