domingo, 13 de janeiro de 2013

90 - E assim começou o ano, com uma mensagem do DAVID GUIMARÃES

Mais uma melrada, um atabancamento ou grande encontro...
...ou escreves assim.... O David disse...
ora bem...

Mais um encontro, mais um "compromisso" que por cada um e tomado de fazer daquela Tabanca lindinha e sobretudo que cada um toma em ir encontrar um amigo também e... sempre mais um, que hora aparece e bem... Quer dizer sempre a crescer e bem. É o que eu tenho vindo a notar e isso é efectivamente bom...
Hoje tiveram de se acrescentar mesas e aquelas coisas todas de logística devido á menos boa comunicação entre quem vai e quem manda fazer a comida, o dono do equipamento da Tabanca... ESTAVA UMA "COMIDINHA" MUITO BOA e chegou e bem...

Gostei das conversas que se tiveram e notei que hoje se falou mais, pensava eu, mas não: falou-se mais porque era muito mais gente... Cerca de 40 pessoas mais um ou menos, já é um grande encontro....

Francamente gostei, eu que a certa altura pensei que fosse uma Tabanca que diminuía, com pouca gente que começava a haver - bem que me enganei e ainda bem que... 
NOTAS ÁPARTE... Fiquei a saber hoje que o Quelhas, nosso querido tabanqueiro, na Guiné, enquanto na comissão, nem um minuto teve de férias... Ele entusiasmado falou bem alto, até vi o Jorge (PORTOJO) quando tentei falar com ele, de olhos fechados, turvado pelos ouvidos e nem me ouvia...

Depois, com o entusiasmo com que estava, nem tive oportunidade de dizer ao Quelhas uma coisa: Nenhum combatente gozou férias e quem diz gozou está a dizer uma grande asneira....

Usamos uma licença disciplinar simplesmente - e como não gosto de falar de leis e muito menos militares... que veja quem melhor interesse tenha o que são férias e o que é uma licença disciplinar...


Assim correu bem, foi maravilha e pena foi o Carlos não estar - mas enfim, fica contente com a noticia ao saber destas coisas, pois ele dá a alma pela Tabanca e daqui o meu amplo elogio - É DIGNÍSSIMO HOMEM GRANDE e BOM CHEFE.
Assim posso dizer que vim de alma cheia e feliz...


Um abraço e que continuemos e engrossar o Povo da Tabanca dos Melros...
ESTÁ LINDA!

 

4 comentários:

  1. Amigos, Camaradas, Melros, Melrinhos e Melrões

    1 - Congratulo-me pela vossa satisfação que sentem relativamente aos convívios dos Melros que de mês a mês vem aumentando e já atingiu quase 60 convivas num só almoço e nos convívios anuais já ultrapassou a centena.

    2 - A Tabanca está consolidada e já vai a caminho dos 4 anos. E se houve meses em que estiveram presentes menos camaradas, mas bons, também se deve ao facto da pouca divulgação que se fazia e ainda se faz, pois tenho dito e reiterado que todos nós que gostamos da arte de bem conviver e que nos sentimos bem, poderíamos fazer algo mais quanto a mobilização e incentivar outros camaradas.

    3 - David, nunca eu pensei que a Tabanca estivesse em agonia e viesse a extinguir-se, pois há um núcleo duro pelo menos de uma dúzia de camaradas que não falham. Lembra-te que a Tab Matosinhos começou com 3 ou camaradas e desenvolveu-se pela divulgação e mobilização dos camaradas que compõe o seu núcleo duro até se transformar em associação, pois para além dos convívios de confraternização, lançaram-se e bem numa onda de solidariedade para com o povo da Guiné e têm tido bons resultados.

    4 - A génese da Tabanca dos Melros, teve por por objectivo instituir um movimento de gondomarenses que estiveram no Ultramar no sentido de reúnirem-se, conviver confraternizando, falar dos momentos bons e menos bons por que todos passámos.

    5 - No entanto, o movimento extrapolou o seu objectivo e alargou o seu âmbito e passou a reúnir e agrupar todos os amigos e camaradas sem excepção, seguindo a vontade de institucionalizar o Dia do Combatente de Gondomar, que ainda não está formalizado formalmente, porque há bolsas de resistência, mas vamos instituído materialmente.

    6 - Seguiu-se depois a vontade de criar um MUSEU que embora com resistências, há camaradas que reconhecem o valor que a criação do Museu em e vou doando algumas peças do seu espólio, porque compreendem o significado da criação de uma instituição dessas e o valor que terá para memória futura, pois vou atendendo ao nosso apelo e "grão a grão a galinha enche o papo".

    7 - Aliás, tens assistido a toda esta evolução e tens sido testemunha dessa boa vontade dos camaradas.




    ResponderEliminar
  2. Continuação ...

    8 - Vejo também que todos os meses tem aparecido "periquitos", pois têm sido incentivados por outros camaradas convictos e que apostam nessa boa vivência que temos tido, que também se deve à boa organização do Gil e à força de vontade de querer bem servir. Pena é, que a comunicação não funcione bem e que apesar de reiterar o pedido para o informar previamente, há sempre uns melrinhos que não o fazem e assim poderão contribuir para um menos eficaz serviço. Aliás, sabes que assim é.
    Eu tenho essa experiência resultante da organização dos almoços do meu Batalhão que faço há mais de 30 anos.

    9 - A acrescentar a tudo que atrás referido, não podemos esquecer que nos reúnimos num local maravilhoso e acolhedor, sem ruídos.

    10 - Sinto também ausência de muitos camaradas que inicialmente foram um tanto ou quanto convívas assíduos e agora não aparecem, contudo, tenho dito e reiterado em vários fóruns que também tens assistido, que não há concorrência de Tabancas. Pois o nosso interesse comum, é estar, conviver com os nossos amigos & camaradas com quem nos sentimos bem. No entanto, há que não entenda assim, e faça guerrinhas de bastidores, o que lamento e passo por cima.

    10 - Agora viro-me para o Jorge. De facto, parece que o blogue tem deficiências, mas não sei porquê, não sou informático, mas porque não pedes ajuda ao Vinhal, sempre é mais experiente nesta área.

    11 - Não desanimes, estou certo que o Blogue é muito visitado, embora os camaradas não escrevam, porque a maioria não lidam com estas novas tecnologias.
    12 - "malapata" tenho tido eu com o meu SITE, pois já foi pirateado por um russo e há dias foi bloqueado por um hacker brasileiro, mas como é pago, lá vou resolvendo os problemas com o informático que presta assistência. Talvez seja por já ter atingido quase UM MILHÃO E MEIO de visitas e por isso tenha mel. Não sei, não percebo nada disso.
    São os custos para quem anda nestas andanças.

    Recebam um abraço e até Fevereiro
    Carlos Silva

    ResponderEliminar
  3. David

    Obrigado pelas tuas palavras elogiosas

    " Assim correu bem, foi maravilha e pena foi o Carlos não estar - mas enfim, fica contente com a noticia ao saber destas coisas, pois ele dá a alma pela Tabanca e daqui o meu amplo elogio - É DIGNÍSSIMO HOMEM GRANDE e BOM CHEFE.
    Assim posso dizer que vim de alma cheia e feliz..."

    É verdade o que dizes, pois é esse o meu sentimento, não só conviver na Tabanca dos Melros como em qualquer outro lado e tu sabes que assim é.
    Mas eu não sou CHEFE de nada, pois a Tabanca dos Melros é um movimento espontâneo, não tem dirigentes ruma por si só e cada um rema no mesmo sentido, para o seu engrandecimento e bem estar de todos e cada um não rema para lados diferentes, não é isso que se vê por lá durante este curto período de vivência.
    Recebe um abraço cá de longe, mas com o coração na minha TERRA
    Carlos Silva

    ResponderEliminar
  4. Esta tabanca não é só para beber uns copos, é exactamente para relembrar os acontecimentos de uma época que nos marcou. Comentários são comentários, mas quando bem comentados, merecem todo o respeito. Abraço, Quelhas

    ResponderEliminar