domingo, 15 de junho de 2014

114 - A Sardinhada nos Melros

Para além da importância do convívio, o dia também o é climatericamente falando. E foi muito falado esse aspecto meteorológico.
Mais de 30 graus às 12 horas TMG, mas somos bem recebidos numa sombra debaixo da ramada da Eira
O Inverno foi-se, a Primavera está quási a ir-se e só as sombras sabem bem. Quem apanha sol ao meio dia é o lagarto.
Enquanto uns conversam, os verdadeiros artistas trabalham.


 ...Loirinha à espera do David. Ele faltou mas lembrança foi recordada. E a loirinha não se perdeu...

Um alguidar de pomadas estão prontinhas.
Mas já faltam umas tantas... 
 A rapaziada começa a chegar-se e as fotos também chegam sem ordem alguma
 Visita tradicional ao Museu

 Dois periquitos visitam-no pela primeira vez.
 E o Vilela Velho controla os petiscos.
A nossa Chefa  quis fazer um bonito para o Barbosa vestindo as cores da sua predilecção.
O Chefe da Tabanca quis mostrar que ainda o é, mesmo ausente há manga de chuvas. Mas provou que está de boa saúde e zás, nada como um discurso. Já não estávamos habituados a tal gentileza.
Não sabemos se era o discurso que tinha preparado para homenagear as 400 pessoas - quatrocentas - que estavam à sua espera em Catió. Uma chatice o Todo-Terreno 5 estrelas ter gripado...E alguns de nós (três-3) termos ficado sem recordações da Cidade.
Claro que a rapaziada estava super-atenta não fosse acontecer um verde-gaio e o homem cair da pedra.

 A rapaziada muito atenta.
E o Chefe continuou, continuou..tipo Duracell

Finalmente acabou o discurso e saudou-se o regresso do Chefe.
O Pessoal à sombrinha. As pomadas estavam a correr bem e a temperatura subiria até aos 37º . Corporais, claro
 As sardinhas, os chouriços, as "febras", lá foram indo, bem empurradas.

 Hora do Caldo Verde.




E lá chegou a vez da fruta e do doce, devidamente controlada a sua distribuição por um certo Presidente... É disso que ele gosta.
Um gelado fora da ementa mete raiva a muita gente. Mas há privilégios que não se podem nem se devem retirar, nem 10%
Mas tudo acalmou é a hora do relaxe
Relaxe com cheiro
 Os Cafézes e os Bagaços não tiveram direito a foto. Mas para o caso não interessa nada.
 O grande Antero Avintense presta muita atenção a algo que não pôde ser gravado.
O Chefão continuou a fazer barulho pela tarde fora e portanto nada como aproveitar a oportunidade e uns Bandalhos resolveram dar o Gosse e ir passear pela Quinta dos Choupos.
 O Batatal está lindo
 E o Milho a crescer
 O mato está a precisar de ser capinado
 Um pequeno descanso no refúgio dos Melros
E depois uma lourinha para acalmar.
 As Videiras estão lindas


 Os Jardins também
Tanta frescura, mas temos de ir pregar outras freguesias.
Até 12 de Julho camaradas. No sítio do costume

5 comentários:

  1. De uma amiga, Portuense de nascimento, recebi este email:
    Querido amigo gosto muito desse vosso convívio!

    Pois é mas aqui em Salvador Bahia eu tenho um grupo também, somos vinte e duas e de vez em quando nas comemorações maiores a família pode vir, e o grupo existe há 35 anos este ano fazemos em outubro 36 eu estou há 29 anos.
    A finalidade do grupo foi que quando montaram a refinaria de Petróleo em Camaçari uma vila aqui perto agora cidade nossos maridos vieram trabalhar aqui, viemos todas com filhos pequenos e marido e sem mais família então fizemos o grupo e nos reunimos uma vez por mês ás vezes em restaurantes mas na maioria das vezes na nossa própria casa a cada mês uma oferece a casa e entra com as bebidas e um grupo (a turma se divide em 4 grupos) Leva os comes os bebes estão na geladeira da anfitriã também durante a tarde se joga Bingo mas não a dinheiro e sim com presentinhos simbólicos.
    Já vimos nossos filhos se formar, se casarem, e já nos vimos sendo avós!

    Teve uma grande festa nos 20 anos do grupo, num hotel, já teve dos 25, dos 30,e agora no passado mês de outubro 35 anos isto extensivo á família, espero que dure por muitos anos.

    AHH o nome? "Acode", do verbo acudir, quando chegamos umas acudiam as outras, e até hoje isso continua.
    junto vai a foto de algumas, como vê temos algumas coisas em comum. Abraços amigo

    Isabel
    A foto guardeia como recordação do Acode

    ResponderEliminar
  2. De outra amiga, recebi este comentário:
    Agora que os termómetros sobem, nada melhor que uma almoçarada debaixo de uma latada. E então se for uma sardinhada a pingar no pão, ui, ui.
    Antonieta
    Bom domingo.

    ResponderEliminar
  3. Do meu amigo Maluco da Silva Froner, Engenheiro de pontes a cair e estradas com buracos, (segundo ele) recebi este desaforo:
    Alô Portojo !

    ADORO ESSE TIPO DE REENCONTRO...
    VONTADE DE ESTAR AÍ ..a CONVERSAIRE FIADO COM ESTES GAJOS...
    COMO SÃO TODOS MADUROS, SÃO GAJOS !
    "PUTO"É O VOCATIVO ATÉ QUE IDADE ? 12, 15, ???
    que rango bom hein ?

    ABRAÇOS C'Á D'LONGE , D'ALEM MAR..

    RICARDO FRONER
    "O LOKO DE ATAR"(APENAS SOLTO SÓ POR CAUSA DA BAITA ESCULHAMBAÇÃO BRASILEIRA)
    (que também atende pela alcunha de JOAQUIM MANOEL COITINHO DO RÊGO, + 1 dos 27 personagens fronianos)

    EM TEMPO 1 : adoro sardinha no pão, com oliva e manjericão fresco...

    EM TEMPO 2 :
    CARDÁPIO DE HOJE, PARA O ENTREBUCHE (ÀS 13h locais) :

    HOJE TEREMOS ENTRECOT GRELHADO EM BRASA DE GUAJUVIRA, CARNE DE TERNERA 18 MESES, URUGUAIA, DE ABERDEEN ANGUS , À PARMEGGIANA COM MUZARELLA DE BÚFALA !

    O MOLHO, com manjericão fresco colhido no terreno , FOI FEITO TODO PELA NEGAVÉIA ("BRUNAVECCHIA" JÁ QUE É ITALIANA DOS 4 COSTADOS...
    BRABA E FEROZ..SOU UM SOBREVIVENTE..SÓ NÃO DEIXO CHICOTEAR ATADO EM CAMA ...
    E O PIOR É QUE NÃO DÁ PRÁ ENGROSSAR POIS IL FRATELI SONO TUTO MAFIOSI O N'DRANGHETTA !)
    TÁ LOKOOO....
    VINHO ?: SUL AFRICANO PINOTAGE !
    SOBREMESA : CASSATA DE NOZES E CHOCOLATE DARK 85% CACAU ,com topings de Macadâmia e Amêndoas lasqueada
    CAFE : ESPRESO e CHÁ VERDE

    ResponderEliminar
  4. Mais uma mensagem recebida, desta feita do camarada Zé Câmara, grande açoreano a viver nos Estates:
    Boa tarde amigo Jorge.
    Gostei de tudo, mas aquela das loirinhas é impagável. Faz-me lembrar aquela "lorinha a ti, lorinha a mim, a mim loirinha...".
    Grande abraço.
    José

    ResponderEliminar
  5. Já que os da casa não comentam, valha-nos ao menos os de fora. Verdade seja dita que com essa estória do facebook, se torna tudo muito mais fácil para "mandar umas bocas", mas adiante.
    Que continue o Redactor Chefe, Secretário General noutras paragens mais aBandalhadas ainda, porque não perdeu o seu jeito, com loirinhas ou branquinhas, ele hoje deu-lhe "práli", de vez em quando convém limpar a tripa.
    Até 12 de Julho se não for antes e este "antes" trás água no bico... dos Melros aBandalhados, claro.
    Um abraço
    cumprim/jteix

    ResponderEliminar