domingo, 13 de dezembro de 2009

P2 - A primeira reunão - 5.12.2009

Não se espere que esta organização seja organizada. Por onde passa a tropa, neste caso ex-ECU's., só pode haver desorganização organizada. Nunca é demais repetir e ainda bem pois a anarquia é muito saudável.
Mas o porquê de todo este palavrório, que todos já conhecemos ? Porque quem deveria estar aqui a dar as boas-vindas seria o Cmdt-em-Chefe Carlos Silva e não eu. Mas não lhe vão faltar oportunidades. É só ele arranjar disposição para tal.
Mas voltemos à vaca fria, que é como quem diz, escrever a acta da nossa primeira reunião.
Assim: No primeiro sábado sombrio de Dezembro, o Choupal dos Melros do camarada GIL, acolheu o primeiro pelotão de Ex-ECU's, esperando vir a formar Batalhão, e já agora, não só da malta de Gondomar, como de outros concelhos, vilas e aldeias. Quer isto dizer que o voluntariado estará aberto todos os segundos sábados de cada mês.
Como se pode constactar, o Quartel estava triste, visto de cá de fora.
Lá dentro, na sala especial dedicada ao voluntariado, já se começava a aquecer. Alguns voluntários liam os projectos dos estatutos, enquanto duas gerações de Cachilenses, à esquerda, Santos Oliveira e Manuel Cibrão, um rendendo o outro, recordavam a bela estância de férias que foi o Como, e por tabela Catió e Cufar.
Deu-se início à sessão de trabalho...
Na presidência dos trabalhos, o camarada Carlos Silva ainda teve arte e engenho de enfardar alguma coisita da sua Terra, da qual já tinha saudades. É que lá para baixo não há disto...
As diabetes, colesterol e essas coisas complicadas ficaram lá fora.
Não é ainda a hora da debandada. Nem de levantamento do rancho. É que o pessoal já estava farto de bianda de forno e de sarrabulho, de bacalhau e de rojões, de morcela e pataniscas (a ordem é arbitrária) e então há que atacar o leite creme, as rabanadas e já nem lembro de mais nada. E como diz o outro, se não estás bem "bai dar vanho ao caonhe".
Estas fotos do Santos Oliveira não foram feitas para ver as cores do pessoal mas sim para registar a presença dos primeiros voluntários para as operações que aí vêm.
Não estão todos, mas os que faltam espalham-se por outros lados.
Não podia acabar a reunião sem ouvirmos o Carlos Costa e o coro da nóvel tuna académica do Choupal até aos Melros.
Para que conste, estiveram presentes ECUS da Guiné, Índia e Moçambique.
Adeus, até ao meu regresso, no segundo sábado de Janeiro do ano que vem.
Espalhem a notícia.
Um abraço para os Melros Ecu's


3 comentários:

  1. Bem, parece que o meu Comentário não devia estar de acordo com os Regulamentos (???) porque deveria ter ficado e recusou-se a tal.

    Acho que o Teixeira POTOJO tem toda a razão quando "dica" que quem deveria "botar a faladura" de Abertura, deveria ser o Chefe "amouriscado" ou pelos tais, adoptado.
    Mas quando se trata do tachinho de Gondomar, cá se chega á mesa.Isto do colesterol nem dá para pensar porque em um mês, lá se trata e tudo volta ao mesmo.
    Não seja por isso, Amigos. Mandem-lhe uma Encomenda que ele reparte pelos Camaradas de lá do sítio.Apenas corremos o risco de ele não mais cá pôr os pés enquanto durarem os reabastecimentos.

    Do Encontro inaugural não falo (onde é que já ouvi isto?) mas só queria dizer que foi fantástico de Camaradagem e inusual abertura, incomum num primeiro Convívio.
    Foram todos Camaradas de verdade. As más línguas só virão depois.

    Agradeço-vos desde o outro lado do Rio, afinal a única barreira que nos separa.
    Agradeço-o também em nome do meu acompanhante que foi dos velhinhos BC237/599, o José "Sinqueiral".

    O nosso abraço Natalício

    Santos Oliveira

    ResponderEliminar
  2. Não podia deixar de fazer parte dos pioneiros destes encontos, agradeço contes comigo.

    Festas felizes para ti e todos os teus.


    Grande abraço

    Miguel Falcão

    ResponderEliminar
  3. Cuidado,ò Melros,vem aí o Falcão.
    Temos de lhe aparar as garras e então
    passa a Melro.

    Bem vindo Falcão

    Gil Moutinho

    ResponderEliminar